Discografia: Unapologetic

123

Data de lançamento: 19 de novembro de 2012

Gêneros: Rn’b, dusbtep, dance

Conceito do photoshoot: Intimista e super pessoal, o intuito do photoshoot do álbum é mostrar uma Rihanna mais simples, como ela é em seu dia-a-dia, seja usando suas roupas com tamanha propriedade, seja pensando na vida enquanto traga um cigarro. O Unapologetic foi feito para ser um álbum simples no conteúdo, mas grandioso na forma, para quem souber captar a mensagem que está sendo transmitida, tanto na música, quanto em sua arte.

Crítica: Considerado a culminância da maratona: 7 álbuns em 7 anos, os críticos e especialistas de música no mundo, classificaram o Unapologetic como: O melhor de Rihanna. Começando por Diamonds, o 1° single, até a última canção do álbum. É considerado por muitos avalistas musicais o melhor álbum de Rihanna, tanto por ser um álbum de grandes canções de teor emocional e pessoal, e menos comercial, e por também ter de tudo um pouco: indo deste baladas pop/indie até a força do hip-hop e o gingado do reggae.

Hits: Diamonds, talvez o 1º single de feições menos mercadológico de Rihanna, foi o de sucesso mais instantâneo, sendo um hit supremo em diversos países do mundo e considerada a melhor música dadiva; foi um grande sucesso nas rádios, assim que foi lançada, galgando lugares que nem seus singles mais comerciais alcançaram. Pour It Up foi hit antes mesmo de ser lançada como single, dominou o top 20 do iTunes USA e as rádios Urban. Stay, em parceria com Mikky Ekko, teve uma dimensão tão grande, mesmo sem alcançar o topo de nenhum grande chart, o qual é considerado um hit diferente dos anteriores, apenas voz, piano e um alguns acordes de guitarra, fizeram o mundo parar, literalmente.

Singles: Diamonds, Stay ft. Mikky Ekko, Pour It Up,  Right Now ft. David Guetta, What Now.

Vendas: Foi seu primeiro álbum a atingir o topo da Billboard 200, onde se manteve no top 10 por semanas, assim como no Reino Unido, Canadá, e os grandes charts do mundo. Conseguiu mais rápido que o álbum antecessor atingir 1 milhão de cópias vendidas. Sucesso no UK, vai e volta na parada dos mais vendidos por lá, assim como em outros charts do planeta, como na Irlanda por exemplo. Até agora o álbum já vendeu 3,3 milhões de cópias.

 

Videografia – Unapologetic

  • Diamonds

Sem sombra de dúvidas, Diamonds é o vídeo mais famoso feito por Rihanna até hoje, não só pelo número de views no YouTube, mas também pelo fato da música ser um dos maiores hits da carreira da diva, e também pelo próprio videoclipe em si.

Gravado durante alguns dias do mês de Outubro de 2012 e dirigido por ‘’Anthony Mandler’’, o videoclipe foi rodado na cidade de Los Angeles, na Califórnia. O clipe é simplista, mas não deixa de ser intenso, e exalta os elementos da natureza: ar, fogo, água e vento. Possui cenas surreais, e também alterna cenas onde Rihanna flutua no mar, ou se encontra correndo em uma estrada, em meio a luzes da aurora boreal, desertos, cavalos e o braço de um ator, que também foram utilizados como forma de expressão, além da grande produção em uma cena caótica, e muitos diamantes, claro.

Rihanna em entrevista falou um pouco sobre o conceito do clipe: ‘’Cada música tem uma história diferente, então os visuais são bem específicos para cada uma. Com Diamonds, são só uma série de vinhetas que colocamos juntas para ajudar a transmitir a emoção da canção toda, porque a música muda e constrói, e não existe uma forma real em que isso acontece.’’ Continuando ela disse: ‘’Eu só queria que as pessoas sentissem isso e queria pequenas imagens interativas que transmitiriam a vocês a emoção certa.”

  • Stay

Depois de uma performance no ‘’Grammy Awards 2013’’ cantando ‘’Stay’’, a canção cresceu de forma impressionante, afim de promovê-la, Rihanna lançou o videoclipe do single que havia gravado em Janeiro, dirigido por Sophie Muller, com quem RiRi estava trabalhando pela primeira vez. O vídeo estreou no canal E! Online no dia 11 de Janeiro.

Simples, sem exageros visuais ou algum tipo de adereço que remeta ao clipe a ser uma grande produção (diga-se de passagem um traço da diretora), ‘’Stay’’ mostra uma Rihanna mais calma e suave, dentro de uma banheira, nua e sem maquiagem, RiRi canta cada verso da música transmitindo tanta emoção, que é capaz de fazer o olho de quem assiste, lacrimejar. A participação de ‘’Mikky Ekko’’ no videoclipe, alternando cenas sentado à beira de uma banheira, ou de uma cadeira, torna o vídeo ainda mais tocante, um show de interpretação.

O vídeo foi bloqueado algum tempo depois, segundo o YouTube, por ter conteúdo inapropriado para menores de 18 anos, apenas por Rihanna estar nua na banheira, mesmo sem mostrar nenhuma parte íntima de seu corpo, ou mesmo o videoclipe ter conteúdo sensual/sexual. Depois de movimentos no twitter e muita polêmica o vídeo foi desbloqueado.

  • Pout It Up

Twerk, ostentação, muitos doláres e strippers: POUR IT UP VIDEO. Depois de ter anunciado em Maio que estava gravando o vídeo do single promocional do álbum ‘’Unapologetic’’, Rihanna lançou outro single sem divulgação e depois anunciou que ‘’What Now’’ era a sua nova música de trabalho, mesmo assim, dias depois, começou a liberar fotos e prévias do videoclipe anteriormente já gravado, sendo assim, no dia 02 de Outubro, Rihanna liberou em sua segunda conta no YouTube, sem a tag do ‘’VEVO’’, o

vídeo de Pour It Up, sendo censurado e depois excluído pelo YouTube por uma antitude ilógica de violação das regras de direitos autorais; menos de uma hora depois, foi upado na conta oficial de Rihanna no YouTube/VEVO com o acréscimo de ‘’Explicit’’ no título.

Com um figurino sexy e jogando dólares para todos os lados, Rihanna senta em seu trono e começa a entoar os primeiros versos sensuais e ritmados da canção, intercalando-os com cenas de strippers dançando na água e executando coreografias no pole dance. Como se não bastasse, Rihanna aparece vestida em um novo figurino, branco e sensual, com cabelos longos, dançando ela mesma no pole dance, intercalando com cenas nas quais RiRi ‘’twerka’’ em uma estrutura semelhante à uma mesa. Por fim, ela aparece em um figurino preto, que lembra as messalinas (antigas prostitutas gregas), envolta de joias de ouro, e esbanjando riqueza usando peças Chanel. Em resumo, ‘’Pour It Up’’ é o ponto máximo da sensualidade da era ‘’Unapologetic’’, claro, sem perder o bom gosto, que é algo essencial para alguém da estirpe de Rihanna. ‘’I still got my Money…’’

Curiosidade: A demora no lançamento do vídeo musical de PIU se deveu principalmente à uma divergência criativa entre Rihanna e o antigo diretor, Vicent Haycock, devido à qual os dois chegaram inclusive a discutir via Twitter após a retirada do nome dele do projeto.

 

PHOTOSHOOT

biografia